Sobre nós

O ICEPAR busca a organização e o entrosamento de igrejas e denominações religiosas, além das organizações e associações da iniciativa privada, através de ações e campanhas em comum. O projeto maior do ICEPAR é AGE - Abundante Graça do Evangelho: um projeto de ação social que contempla muito mais do que providenciar comida ao necessitado e agasalho ao que tem frio.

Histórico do ICEPAR

   O ICEPAR teve suas bases lançadas em 1999, quando o pastor Edson de Almeida e Franzen, juntamente com 3 pastores e uma comunidade no bairro do Pinheirinho, em Curitiba (PR), se uniram para iniciar uma Organização Não Governamental, que tinha, entre outras finalidades, a formação de uma Rádio Comunitária de cunho Cristão.

          Por uma série de motivos, o ICEP (Instituto Cristão de Ensino e Pesquisas - nome da época) não passou das suas primeiras reuniões. O principal motivo foi que a legislação atual para as Rádios Comunitárias somente foi aprovada muitos meses depois.

          Todavia em nenhum minuto destes últimos 10 anos, foi perdida de vista: a criação e implantação do ICEPAR e o que desejávamos na época. Pelo contrário: muito mais material e projetos foram criados. A tal ponto que continuamos a criação de apostilas, livros, programas de computador (mais de 50, inclusive o programa de gerenciamento da Rádio), armazenando livros e revistas para a Biblioteca (mais de 3000 livros), armazenando músicas para a Rádio Comunitária, criando livros para os treinamentos teológicos (32 livros na data de 13/12/2009) e profissionalizantes (25 apostilas na mesma data).

          Hoje o ICEPAR tem este acervo e um conhecimento considerável, e inicia suas atividades no ano de 2004 com competência e qualidade.

          No dia 05/01/2004 iniciamos uma turma de Digitação e Operação de Computadores. Fizemos outros cursos na área de Informática, Agricultura e Teologia, formando aproximadamente 200 alunos nestes cursos. Você pode ver fotos e detalhes destes cursos da Net Brazil, MAE, SENAR no Jornal Folha do Vale. Agora está criado o www.teologiapelainternet.com.br.

 

          Gostaríamos de fazer agora esta mesma atuação em outros municípios, principalmente no litoral do Paraná e de Santa Catarina, lugares ainda falhos em Faculdades e cursos profissionalizantes.

Membros do ICEPAR

São membros do ICEPAR, segundo o estatuto da instituição, todas as pessoas cristãs, legalmente capazes, residentes na área de ação deste Instituto, idôneas e que se conformam com o Estatuto e Regimento Interno, sendo classificadas de associados ou:

1. Sócios Fundadores: são as pessoas que participaram da Assembléia de Fundação do ICEPAR e constam seus nomes na ata de fundação do ICEPAR.

2. Sócios Contribuintes: são considerados sócios contribuintes quaisquer pessoas físicas ou jurídicas que contribuam mensalmente com qualquer importância designada e aprovada pela diretoria. Podem votar e serem votados.

3. Sócios Beneméritos: quaisquer pessoas físicas ou jurídicas que tenham prestado relevantes serviços ao ICEPAR e à coletividade.

4. Sócios Efetivos: são os membros do ICEPAR, que atendem aos requisitos de associados, e além disto, disposto a colaborar com a melhoria da qualidade de vida da comunidade e da região, com direito a voto e a ser votado.

5. Sócios Colaboradores: são considerados sócios colaboradores, quaisquer pessoas físicas ou jurídicas que colaboraram ou colaboram com doações em dinheiro ou em trabalho ou ainda em objetos ou informações para a melhoria do trabalho do ICEPAR.

 

Outras Pessoas Ligadas ao ICEPAR

 

Funcionários: Pessoas contratadas fixas ou temporárias para prestar serviços ao ICEPAR.

Diretoria Local: Diretores e Conselho Diretor, compostos de membros com mandato executivo ou administrativo dentro do ICEPAR.

Conselho Fiscal: Sócios efetivos com a finalidade de fiscalizar e assessorar o ICEPAR. 

Simpatizantes: Todos aqueles que simpatizam com as causas abraçadas pelo ICEPAR, mas que não gostariam de imediato fazer parte dos quadros de associados, mas que de uma forma ou outra, estejam ajudando o ICEPAR. 

Filosofia do ICEPAR

Resumo dos Objetivos

1. Dar maiores informações aos habitantes do local e mais oportunidades, seja a própria informação em si, seja pela participação em Cursos Profissionalizantes e Teológicos do ICEPAR, ou ainda pela ajuda e prestação de auxílio direto ou indireto: dar primeiro ensino, depois ocupação e finalmente trabalho.
2. Distribuir (repassar) roupas, alimentos e educação através de Centros de Assistência que também encaminharão para outras necessidades.
3. Criar Rádio Comunitária e um jornal para divulgação das atividades, marketing e outras finalidades (educação, cultura e conhecimento da Palavra de Deus).


Tudo levará em conta a multiplicação:
Quem foi treinado deve treinar. Quem recebeu ajuda deve ajudar.


O que é Serviço Social
         
Eis o trecho das Sagradas Escrituras que resume como os cristãos primitivos juntamente com os Apóstolos viviam:
Atos 4:34-35: Pois não havia entre eles necessitado algum; porque todos os que possuíam terras ou casas, vendendo-as, traziam o preço do que vendiam e o depositavam aos pés dos apóstolos. E se repartia a qualquer um que tivesse necessidade.

          Estes versículos resumem o amor cristão dos tempos primitivos. Quem dera tivéssemos este amor nos dias atuais. Talvez não precisássemos chegar a tanto. Mas em vez disto, em nossas igrejas, no máximo chegamos a distribuir algumas esporádicas cestas de alimentos.

          Serviço Social é o que nos apresenta Atos 4:34-35.

          Serviço Social é mais do que distribuir alimentos de vez em quando. Serviço Social é providenciar que os mesmos cursos e recursos que chegaram aos afortunados como nós, possam chegar aos desafortunados que muitas vezes estão abaixo do nível de miserabilidade por simplesmente não terem as informações para saírem da situação calamitosa em que se encontram.

          Todos temos uma parte a cumprir. Como alertou o ex-prefeito de Nova York:

Todos são responsáveis o tempo todo por tudo - Rudolf Giuliano.

 

          Se você e eu nos chamamos de cristãos, temos que entender que se há outros cristãos sofrendo muito ao nosso redor e não fazemos nossa parte, não poderemos sustentar e ostentar este título.

          Serviço Social é muito mais do que providenciar comida ao necessitado e agasalho ao que tem frio. Há tempo de fome, quando se deve providenciar alimentos. Terremotos e outros fenômenos naturais requerem a ação da Igreja. Quando surgem epidemias, a Igreja pode prover medicamentos e cuidados médicos. Muito do evangelho conhecido hoje na América Latina e a implantação de muitas Igrejas têm ocorrido através de escolas, orfanatos e postos de saúde que foram abertos em nossos países. 

          Enumero a seguir algumas alternativas que podem ser desempenhadas por nós. A soma de todas elas e outras ainda é que chamamos Serviço Social.

 

1. Fundo de emergência.
2. Cestas de alimentos, brinquedos, livros, bíblias... para dias especiais como Natal, Ano Novo, dia das crianças, páscoa, dia da bíblia etc.
3. Banco de alimentos e roupas para pessoas necessitadas ou recém chegadas ao país ou cidade.
4. Programa de ajuda a alcoólatras, drogados etc.
5. Programa de instrução para a família (reunidas e separadas).
6. Conferências sobre os temas: Retardados Mentais, surdo-mudo, AIDS, saúde e higiene mental...
7. Escritório de aconselhamento matrimonial (pré e pós).
8. Atividades sociais e esportivas para a juventude.
9. Assistência Dentária e Ambulatorial, ou encaminhamento para assistência.
10. Cursos e treinamentos religiosos e profissionalizantes.
11. Encaminhamento a documentos e a programas governamentais.
12. Encaminhamento a empregos.

Pontos Positivos
          Acredito que os pontos positivos do empreendimento sejam aplicar esforços numa área que todos os especialistas afirmam que produz resultados concretos: ensino.

          Além disto, há o incentivo para que as pessoas sejam participativas e atuantes em suas próprias igrejas e comunidades, modificando suas vidas através do engajamento da ação social. Também dá ênfase na busca e no uso dos próprios dons e vocações.

          Faz também com que as pessoas se "mexam" buscando por si próprias, sair da sua condição de penúria (há falta de empregos na região), e usando a experiência e aprendizado para ajudar outros.

 

1o dar ocupação através do ensino

2o dar trabalho - as pessoas irão fazer estágios (conserto de computadores, digitação, falar na rádio, entregar jornal, e outras atividades do ICEPAR, e deverão já receber parte do valor que o ICEPAR receber...)

3o dar oportunidade a outros pela multiplicação.


Pontos Negativos
          Como pontos negativos, está o tempo para que as mudanças realmente aconteçam quando atuamos com ensino: médio e longo prazo.

          Outro ponto negativo é que para se fazer tudo isto satisfatoriamente, é necessário ajuda e compreensão dos pastores e padres da cidade. E juntar pastores de diferentes denominações e padres, é uma tarefa bem difícil.

 

Carta Aberta do Presidente do ICEPAR

Caro Amigo Gostaria de compartilhar com você alguns números:

1. Nos EUA somente 25% dos domicílios têm pai, mãe e filho(s). O restante, 75% são com indivíduos isolados, só o pai, só a mãe, só o(s) filho(s) ou um deles com outro. Isto é uma das conseqüências da destruição da família, uma estratégia para acabar também com a igreja, que é formada essencialmente por famílias.

2. No mundo 12 milhões de crianças morrem de causas ridículas como a fome, desnutrição, diarréia ou violência.

3. Mais de 150 milhões de crianças passam fome no planeta.

4. No mundo os analfabetos são 800 milhões, número este que cresce dia-a-dia.

5. Um relatório das Nações Unidas (1997) caracteriza de obscena a riqueza de 447 pessoas no mundo, que têm uma fortuna pessoal maior do que a renda da metade mais pobre da população mundial (3,5 bilhões de pessoas). No Brasil 10% das famílias mais ricas se apropriam de 51% da renda Brasileira, o que torna o Brasil um dos três países mais injustos do planeta segundo a própria Nações Unidas.

6. No Brasil ainda, 1% dos proprietários detém metade do solo agrícola, cultivando menos de 5% deste solo.

7. No mundo, não se consegue os 6 bilhões de dólares que seriam necessários para colocar nas escolas quem está fora delas. Tampouco se consegue os 9 bilhões para assegurar água e saneamento para todos, ou os 13 bilhões necessários para assegurar saúde básica e nutrição para todos. Mas se consegue 8 bilhões para cosméticos nos Estados Unidos, 11 bilhões para sorvete na Europa, 17 bilhões para ração para animais de estimação que já são 36 bilhões no mundo (6 para cada habitante), 50 bilhões para cigarros na Europa, 400 bilhões para narcóticos e 780 bilhões para gastos militares no mundo. O relatório das Nações Unidas que apresenta estas cifras tem um título irônico: "Prioridades do Mundo?"

Meio milhão de crianças se tornam cegas, anualmente, por falta de vitamina A. O custo anual por criança para resolver este problema seria da ordem de 10 centavos de dólar. Hitler matou milhões. Era um bárbaro. Nós apenas deixamos morrer. E ouvimos, pasmos e impassíveis, uma grande e moderna empresa farmacêutica explicar que não é rentável produzir medicamentos para pobres, porque a demanda efetiva (isto significa dinheiro) é insuficiente.

Os pobres estão morrendo aos milhões. E o que é pior, também sem a salvação de suas almas. A Palavra de Deus tem um versículo interessante: "Quem sabe fazer o bem e não faz, comete pecado - Tiago 4:17". Os cristãos de todo mundo precisam exercitar o amor de Jesus para com as pessoas, sob pena destes mesmos cristãos perder a salvação pelos seus, digamos, "milhões de pecados".

O ICEPAR é uma instituição cristã preocupada com os números acima. Não vamos mudar todo o mundo, mas pretendemos agir localmente, para que a nossa contribuição seja uma célula entre muitas para mudar as coisas globalmente. E acreditamos que o ensino seja a solução, por isto é nosso principal objetivo. Primeiro providenciar a salvação, depois ocupação pelo ensino, e por fim trabalho (este é o nosso lema). Faça parte desta empreitada. O resultado final é compensador... Aqui e na Eternidade. 1o de janeiro de 2004

Edson de Almeida e Franzen - presidente@icepar.com.br

 

Image 01